14h às 17h30 – Pré-Congresso:

Sala 1 – Filantropia

Sala 2 – Programa Santas Casas Sustentáveis

Sala 3 – Atualidades: Desafios e oportunidades

18h30  – Abertura Oficial

19h – Palestra de Abertura – Uma História de Superação

Palestrante: Roman Andrade Romancini

Pauta do Dia: Discutiremos o que é mito e o que é verdade sobre as diversas estratégias de sustentabilidade na gestão hospitalar

8h às 12h30 – Painel I – Rentabilidade e sustentabilidade do setor filantrópico da saúde. Mitos e Verdades.

Proposta do tema: O que é mito, e o que é verdade? As diversas realidades que compõem a estrutura das Santas Casas e Hospitais Beneficentes, oferecem múltiplas análises e leituras. O SUS atende às necessidades de remuneração e Sustentabilidade dos nossos hospitais? O sistema de remuneração atualmente praticado é o mais adequado? Deixar de atender o SUS impactará no equilíbrio econômico-financeiro dos hospitais? O desafio é e será o de proporcionar o atendimento à população combinando composições de receitas mais realistas alinhados com os custos e com o uso de indicadores de produção ambulatorial e de internamento, buscando a segurança e qualidade assistencial. Rentabilidade, Sustentabilidade e qualidade: são mais que palavras que podem transformam mitos em verdades.

8h30 às 9h30 – Análise crítica e proposta para um modelo sistêmico.

9h30 às 10h15 – Experiências com a Rede SUS de Belo Horizonte/MG.

Palestrante: Jomara Alves Silva 

10h15 às 10h45 – Case 1

10h45 às 11h15–  Coffee Break

11h15 às 11h45 – Case 2

11h45 às 12h30 – Debate com perguntas e respostas

12h30 às 14h30 – Almoço

14h30 às 18h – Painel II – Soluções de Negócios para o fortalecimento da Sustentabilidade dos Filantrópicos.

 Proposta do Tema: Nossas entidades têm implantado soluções criativas de negócios e adesão às redes de atenção à saúde que ajudam no financiamento de suas operações hospitalares. A pretensão deste painel é trazer aos congressistas as possibilidades na adoção dessas soluções. Funcionamento em Redes e implantação de programas de Educação já trazem realizações concretas em algumas regiões, ajudando na construção de verdades que poderão ser implementadas por todos, visando a reestruturação do setor filantrópico com o fortalecimento do conjunto das entidades para o enfrentamento dos desafios e, por conseguinte, reposicionamento estratégico no competitivo mercado de saúde.

14h30 às 15h – Planos de Saúde Filantrópicos

15h às 15h30 – Rede de Saúde Filantrópica

15h30 às 16h – Debate com Perguntas e Respostas

16h às 16h30 – Coffee-Break

16h30 às 17h – Rede de Inovação

17h às 17h30 – Hospital de Ensino

17h30 às 18h – Debate com Perguntas e Resposta

18h – Happy Hour – Local: Exposição de Produtos Hospitalares

Pauta do Dia: Devemos manter um olhar tecnológico no ser humano ou um ser humano com olhar tecnológico?

8h30 às 10h30 – Painel I – A Importância das Pessoas na Gestão Hospitalar. Proposta do tema: Uma das verdades mais inquestionáveis é a que consolida o ser humano como agente de Mudança e Transformação. O mito da preponderância da planificação extrema sobre as pessoas, que foi prevalente em boa parte do século XX, vem sendo descontruída neste século. A cada dia vemos e sentimos a velocidade das mudanças na sociedade, impulsionadas pelas atitudes das pessoas colaborativas e engajadas, mas será que estamos exigindo que estejam sempre e altamente motivadas? Nosso segmento cuida de gente, e é a nossa gente que requer a atenção para poder contribuir com padrões de prestação de serviços com segurança e qualidade. O nosso ambiente hospitalar possui forte potencial para oferecer à sociedade realizações nesse campo. No entanto, há que desconstruir o mito de que aos hospitais estaria reservado apenas um papel secundário de cuidar das enfermidades de seus assistidos sem a preocupação de incorporar as boas práticas no campo da gestão de pessoas. Temos de fato exercitado a empatia e uma gestão na área de saúde?

8h30 às 9h – As tendências do comportamento no mundo corporativo.

9h às 9h30 – Melhores práticas na gestão de recursos humanos.

9h30 às 10h – Case

10h às 10h30 – Debate com Perguntas e Respostas

10h30 às 11h – Coffee-Break

11h às 12h30- Painel II – Ambiente de trabalho e Síndromes de Stress.

Proposta do tema: Os ambientes de trabalho são pródigos em produzir soluções tecnológicas, progresso das empresas e geração de recursos para o país, favorecendo o crescimento profissional dos colaboradores e lhes proporcionando melhorias na qualidade de vida. A esse conjunto de preciosidades junta-se entretanto o fantasma da doença profissional e suas consequências perversas. Em grande medida, o mal do século XXI, a depressão, tem algumas de suas raízes fundadas em indesejadas condições de alguns ambientes de trabalho. O que é mito ou verdade? Neste painel, faremos uma análise detalhada desses benefícios x malefícios, para que que nossos congressistas possam construir modelos de gestão em que preponderem produtividade e eficiência, conjugadas com valores humanistas e de cooperação permanentes e de resultados. Estamos cuidando de quem cuida de gente?

11h às 12h – Como encontrar limite em um mundo sem limites?

12h às 12h30 – Liderança como instrumento de transformação.

12h30 às 14h30 – Almoço

14h30 às 18h30 – Painel III – Filantropia 4.0

Proposta do tema: A tecnologia insere-se como um dos fatores mais decisivos de mudança. O domínio das competências no tratamento dos dados possibilitou nas últimas décadas a desconstrução de mitos que estavam prevalentes em muitos campos de atuação. Não foi diferente na saúde hospitalar. O que estamos assistindo nestes últimos anos é a construção de novos padrões de negócios, de operações e de comunicação, com forte impacto em todos os ambientes da sociedade do século XXI. Neste painel discutiremos as soluções possíveis e ao alcance de nossas instituições, desmistificando as premissas de que nos hospitais filantrópicos não tem lugar nesse mundo novo e desafiador.

14h30 às 15h15 – Como integrar startups à cultura de empresas tradicionais.

15h15 às 15h30 – Debate com Perguntas e Respostas

15h30 às 16h30 – Painel de Startups

15h30 às 15h45 – Startup 1

15h45 às 16h – Startup 2

16h às 16h15 – Startup 3

16h15 às 16h30 – Startup 4

16h30 às 17h – Coffee-Break

17h às 18h30 – Telemedicina ao alcance dos nossos hospitais.

18h30 às 19h – Debate com Perguntas e Respostas

19h – Happy Hour – Local: Feira de Produtos Hospitalares

Pauta do dia: Ressignificando Mitos e verdades na Gestão da Saúde

8h30 às 10h30 – Painel I – Lei Geral de Proteção de Dados

 Proposta do tema: Os novos dispositivos que integram a LGPD influenciarão todos os segmentos da sociedade, sem distinção. Obviamente, alguns terão maior impacto do que outros, mas precisamos estar em conformidade com as exigências legais. É o caso do ambiente da saúde que será desafiado a construir novos padrões de tratamento dos dados, informações e procedimentos de relacionamento com os pacientes, colaboradores, sociedade e órgãos de controle. Traremos neste painel a contribuição de especialistas para os ajustes e alinhamentos fundamentais quanto ao respeito e direitos de todos aqueles que são atendidos e identificar os riscos e oportunidades para as organizações de saúde com a efetivação da LGPD.

8h30 às 9h30 – Aplicação da Lei Geral de Proteção de Dados aos Hospitais Filantrópicos

9h30 às 10h – Case – Sobre Recursos Humanos

10h às 10h30 – Debate com Perguntas e Respostas

10h30 às 11h30 – Painel II– Enfim, Mitos ou Verdades?

 Proposta do Tema: Proposta de Tema: Neste painel, discutiremos quatro temas que permeiam o universo da gestão hospitalar: acreditação hospitalar, inovação e tecnologia, financiamento e gente & gestão, pois são essenciais para o desenvolvimento das atividades nos níveis operacional e estratégico. No entanto, compete à alta direção mobilizar esforços para que os diversos atores sejam envolvidos, visto que requer análise sistêmica no sentido de nortear as decisões institucionais cujo o engajamento dos profissionais é o alicerce para os resultados aliado ao contexto das fontes pagadoras. Então, os líderes estão desafiados a manter as mentes livres de pré-conceitos e participar ativamente deste painel, pois afinal, o que de fato é mito ou verdade?

10h30 às 11h15 – Expansão dos programas de acreditação vão resolver todos os problemas?

– Inovação e tecnologia são grandes esperanças?

– Falta gestão nos Hospitais Filantrópicos?

11h15 às 11h30 – Debates com Perguntas e Respostas

11h30 às 12h30 – Barco Hospital Papa Francisco: viabilizando saúde, acolhendo vidas!

12h30 – Encerramento

FÓRUM 1 – Controladoria – Finanças, Contabilidade e Custos

FÓRUM 2 – Sistemas de Gestão e T.I.

FÓRUM 3 – Governança Clínica

FÓRUM 4 – Gestão de Pessoas

FÓRUM 5 – Cadeia de Suprimentos – Compras, Almoxarifado e Farmácia

FÓRUM 6 – Qualidade e Segurança do Paciente

FÓRUM 7 – Jurídico

FÓRUM 8 – Hotelaria e Hospitalidade

FÓRUM 9 – Comunicação

FÓRUM 10 – Oncologia

Copyright 2019 © Fehosp. Todos os direitos reservados. | Desenvolvimento   https://clinicadue.com/wp-content/uploads/2018/11/logo.fw_.png